Atlético-PR, UBER e os limites de uma ação de marketing

O mundo viu o goleiro Santos, do Atlético Paranaense, mexendo no celular durante o minuto de silêncio da partida contra o Atlético Mineiro, na Arena da Baixada, no último dia 13.

A princípio insólita, a cena era, na verdade, uma ação de marketing do app de mobilidade UBER, patrocinador do clube, para o “Maio Amarelo”, que prega a conscientização contra acidentes de trânsito.

Outros acidentes, porém, podem acontecer no STJD: como não pediu autorização para realizar essa ação, o Atlético Paranaense vai ser julgado, juntamente com o goleiro Santos e o árbitro da partida, Luiz Flávio de Oliveira — que não registrou a cena na súmula, porque, aparentemente, não viu. O clube pode “conseguir” uma multa de até R$ 100 mil; o atleta, uma suspensão de até seis jogos; e o juiz, um gancho de até 120 dias.

pie5

A situação — guardadas as devidas proporções — nos fez lembrar da recente “Torta de Shaw”, que aconteceu na FA Cup 2016-17, quando o modesto Sutton United recebeu o Arsenal. Na ocasião, o goleirão reserva do Sutton, Wayne Shaw, chamou atenção de todos ao comer uma típica pie inglesa no banco de reservas, mas depois soube-se que a sua fome estava atrelada a uma aposta da Sun Bets (detalhamos o caso aqui).

De Shaw a Santos, da FA Cup ao Brasileirão, da Sun Bets à UBER, do Sutton United ao Atlético Paranaense, a lição é a mesma: cuidado. A criatividade nas ativação é bem-vinda, mas as regras do jogo também são um limite para a pertinência que deve, sim, precedê-la. De graça, o “furacão” pode se prejudicar, prejudicar o seu atleta e até o árbitro — que, parece-nos, não teve nada com o assunto, só não viu. E mesmo que nada disso aconteça, o dano de imagem já está feito. Acidente?

l

Thiago Zanetin tem 32 anos e é redator publicitário na Concêntrica Comunicação e Conteúdo. Fanático seguidor do Hellas Verona, sonha com o dia em que as verdadeiras cores gialloblù da cidade voltarão a brilhar na elite da Itália.

l

Imagens: Divulgação.

l

Siga o Futebol Marketing nas redes sociais: facebook | twitter

Category: Futebol Marketing

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial