#MLS2Cincy | Campeão de público da Segundona vai jogar na MLS em 2019

Negócio fechado: na última quinta-feira (29), o FC Cincinnati foi anunciado como a 26ª franquia da Major League Soccer, completando o expansion bid planejado pela liga para 2020 — Nashville FC e o Miami de Beckham completam o quadro.

Uma ascensão meteórica: constituído em 2015, o FC Cincinnati começou a participar da United Soccer League-#USL (então Terceirona e atual “Série B” do soccer) em 2016. E, desde então, distinguiu-se como campeão de público, desbancando o então reinante Sacramento Republic FC — com quem também disputou uma vaga na MLS — e cravando médias maiores até do que as de alguns clubes da elite: 17.296 em 2016; 21.199 em 2017; e 24.416 (até agora) em 2018.

O FC Cincinnati fará sua estreia na MLS em 2019. E já para 2021, o clube, que atualmente divide o Nippert Stadium com o futebol da University of Cincinnati, espera contar com um estádio próprio, para 22 mil torcedores, com previsão de adicionar mais 7 mil lugares. O projeto, que supera US$ 200 milhões, já foi aprovado junto ao conselho municipal.

E como parte das exigências envolvimento comunitário da MLS, o FC Cincinnati ainda planeja investir US$ 30 milhões em benfeitorias e escolas públicas locais.

Para a MLS, é só aproveitar: um clube pronto, com base de fãs constituída e que representa o 34º maior mercado de TV do País. O FCC nem bem chegou e já causa impacto.

l

Thiago Zanetin tem 32 anos e é redator publicitário na Concêntrica Comunicação e Conteúdo. Fanático seguidor do Hellas Verona, sonha com o dia em que as verdadeiras cores gialloblù da cidade voltarão a brilhar na elite da Itália.

l

Imagens: Divulgação.

l

Siga o Futebol Marketing nas redes sociais: facebook | twitter

Category: Futebol MarketingMercado

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial