#UCLfinal | Rivalidades de marketing entre Real Madrid e Liverpool

Tudo pronto: neste sábado (26), em Kiev, na Ucrânia, Real Madrid e Liverpool vão decidir quem levanta a UEFA Champions League de 2017-18. E, como de costume, FutMKT esquenta a decisão com alguns “confrontos extracampo”. Confira e deixe sua torcida: vai vir a 13ª taça — com um inédito tri consecutivo na era moderna — para ou merengues; ou os reds repetem o resultado da decisão de 1980-81 para faturar o sexto título?

l

Premiação na UCL 2017-18

Como participou desde o play-off pré-fase de grupos, o Liverpool acumula mais dinheiro do que o Real Madrid: € 40,7 milhões, contra € 39,2 milhões. Em Kiev, o título valerá mais € 15,5 milhões (além de passes para UEFA Supercup e o Mundial de Clubes FIFA), e o vice, € 11 milhões.

l

Faturamento 2016-17

Segundo o relatório Football Money League, da Deloitte, o Real Madrid fechou a última temporada com € 674,6 milhões em receitas, sendo que 45% vieram da área comercial, 35% de broadcast e 20% de matchday. Já o Liverpool embolsou € 424.2 milhões, distribuídos assim: 43% de broadcast, 38% da área comercial e 19% de matchday. Ambos estão no TOP 10 de faturamento mundial.

l

Valores dos elencos

De acordo com o Transfermarkt, o plantel do Real Madrid vale estratosféricos € 962,5 milhões, contra “apenas” € 548,5 milhões do Liverpool. As janelas também favoreceram aos merengues, que fecharam com lucraram € 86,03 milhões a mais do que os reds nas operações.

E no confronto dos atletas mais valiosos, nova vantagem do Real: € 120 milhões para Cristiano Ronaldo contra € 80 milhões para Mohamed Salah.

l

Público no estádio

Apenas na UCL, a média do Real Madrid é de 75.398 espectadores (a maior do torneio) contra 49.960 do Liverpool (décima). Diferença compreensível, já que o Santiago Bernabéu tem 26.970 cadeiras a mais do que Anfield. Somando os públicos finais de todas as competições da temporada, a vantagem ainda é merengue: 1.912.674 contra 1.413.543.

l

Sócios

Estima-se que o Real Madrid tenha entre 97 mil e 98 mil associados. Já no Liverpool, o número é atrelado às vendas de season tickets (carnês de jogos), que variam a cada temporada — em 2017-18, foram mais de 25 mil.

l

Kit deal

Oficialmente, o Real Madrid recebe € 40 milhões por temporada da adidas — embora, em 2017, o portal Football Leaks tenha vazado que a marca das três listras investiria € 1 bilhão no clube entre 2015 e 2024 (e venha daí, talvez, a proposta bilionária de renovação que se arrasta há tempos). Já o Liverpool embolsa anualmente £ 25 milhões (€ 28,5 milhões, sendo £ 1,00 = € 1,14) com a New Balance.

l

Máster de camisa

Não há comparação. O Real Madrid ganha € 70 milhões por temporada com o máster da Emirates — o maior do futebol mundial —, quanto o Liverpool embolsa £ 30 milhões (€ 34,2 milhões) — e, a partir de 2018-19, passará a receber £ 40 milhões (€ 45,6 milhões) — com o Standard Chartered.

l

Valor de marca

Segundo o estudo “Football 50”, da Brand Finance, o Real Madrid possui a segunda marca mais valiosa do futebol mundial, e o Liverpool, a sexta. Ainda de acordo com esse levantamento, merengues e reds ocupam as mesmas posições em influência.

l

Thiago Zanetin tem 32 anos e é redator publicitário na Concêntrica Comunicação e Conteúdo. Fanático seguidor do Hellas Verona, sonha com o dia em que as verdadeiras cores gialloblù da cidade voltarão a brilhar na elite da Itália.

l

Imagens: Divulgação.

l

Siga o Futebol Marketing nas redes sociais: facebook | twitter

Category: Futebol MarketingMercado

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial